Parque Nacional Desembarco del Granma

Parque Nacional Desembarco del Granma
O Parque Nacional Desembarco del Granma deve seu nome ao iate Granma, um barco no qual Fidel Castro, Che Guevara, Raúl Castro e 79 outros re

Parque Nacional Desembarco del Granm, natureza, sol e praia …

Visitando o Oriente cubano, uma das belezas que você não pode perder é o Parque Nacional Desembarco del Granma.

Natureza, sol, praia, caminhadas e outras atividades farão com que o contato direto com o meio ambiente momentos únicos em sua vida.

Se você quiser saber mais detalhes sobre este Grande parque, o primeiro de Cuba declarado Patrimônio da Humanidade, leia-nos até o fim.

Um parque, um tesouro natural

O Parque Nacional Desembarco del Granma está localizado no sudeste da Província de Granma no município de Niquero.

Foi o primeiro sítio natural de Cuba a receber o status de Patrimônio Mundial, concedido pela UNESCO em 1 ° de dezembro de 1999.

Junto com o sistema Maisí, possui os maiores e mais bem preservados sistemas de terraço marinho em rochas calcárias, tanto emergidas quanto submersas.

É também um dos locais mais notáveis ​​da ilha caribenha, pelos seus valores naturais e por ter sido palco de importantes acontecimentos na história e cultura do país.

Localização e extensão

O parque está localizado no extremo sudoeste da ilha, no território dos municípios de Niquero e Pilón, na província de Granma, muito perto da Praia Las Coloradas.

Vai da Sierra Maestra ao Cabo Cruz, o ponto mais meridional do país.

Ele se estende por uma zona tectônica ativa entre as placas do Caribe e da América do Norte.

Inclui os terraços de calcário do Cabo Cruz no extremo oeste da Sierra Maestra, que se elevam a altitudes entre 180 metros abaixo do nível do mar e 360 ​​metros acima do nível do mar.

A área total do Parque Nacional Desembarco del Granma é de 32.576 hectares, dos quais 26.180 são terrestres e 6.396 são marinhos.

Ele também tem uma zona de amortecimento de terra de 9.287 hectares.

Sistema de terraços marinhos do Parque Nacional Desembarco del Granma

Um dos locais mais importantes do parque são os terraços marinhos do Cabo Cruz, despertando o interesse de cientistas e visitantes, descobertos pelo almirante Cristóvão Colombo em sua segunda viagem em maio de 1494.

Tem a forma de degraus de pedra e é considerada uma das paisagens mais únicas que o homem pode admirar.

Atingem 360 metros acima do nível do mar e até 20 níveis emergidos, alguns deles com 100m de desnível.

8 níveis regionais de patamares emergidos, que atingem até 20 níveis em 6 meso blocos e 29 micro blocos, atingindo uma altura máxima na área de Alegría de Pío.

No fundo do mar existem 3 níveis regionais, -9m, -18 e -180 metros e presume-se que deve haver mais níveis locais, mas ainda não foi estudado.

As maiores alturas e níveis estão em Punta Escalereta com um total de 20.

Esses terraços assentam em calcário organodetrítico sólido e rochas de coral das formações Cabo Cruz, Maya e Jaimanita.

O cabo cruza do médio ao alto Mioceno, maia do Pliopleistoceno e Jaimanitas do Pleistoceno ou Pleistoceno Superior.

Considerável é o desenvolvimento de formas cársticas e tectônico-cársticas de relevo nesses terraços.

O Hoyo de Morlotte se destaca, segundo alguns, um Buraco Azul emergido de 77m de profundidade e diâmetro, os sistemas de sumidouros inundados de Punta Escalereta, a caverna Fustete, o cânion fluvial do rio Boca del Toro e outros de menor extensão.

O estado de conservação das escarpas, nichos de maré, dunas fósseis, cristas de tempestades, recifes fósseis, formas cársticas, entre outros, é significativo.

Também as formas do relevo, devido à dureza das rochas e ao clima seco, estão perfeitamente preservadas.

Dada a inacessibilidade de pessoas, eles estão muito bem preservados. Existem apenas duas comunidades na área de Cabo Cruz e Alegría de Pio.

Flora e fauna do Parque Nacional Desembarco del Granma

Mais de 500 espécies de plantas no que é considerado um inventário incompleto até agora, existem dentro do parque.

60% das plantas conhecidas são endêmicas, doze existem apenas no território do parque.

110 aves, 413 mamíferos, 7 anfíbios e 4 répteis são identificados. O endemismo de répteis e anfíbios é notável, chegando a 90%.

Ao longo de toda a costa existem formações de coral e faixas de mangal.

O Parque Nacional Desembarco del Granma é um dos focos de endemismo floral das Grandes Antilhas.

O que podemos encontrar no parque?

Valiosos sítios arqueológicos podem ser encontrados nas proximidades do parque.

Cavernas e espaços quadrados que eram locais cerimoniais para os habitantes indígenas do local, pinturas rupestres, pictogramas e artefatos taínos, locais de produção de cerâmica da era pré-cerâmica e até mesmo da era pré-agrícola podem ser encontrados na área.

Vasos de barro, pedras esculpidas e pequenos altares que datam de mil anos foram encontrados.

A Cueva de Fustete é uma das maiores atrações. Está localizado próximo à comunidade Alegría de Pío, a aproximadamente 5 km da costa.

É uma trilha indígena com vestígios de gravuras pré-colombianas, seu maior valor reside nas formações geomorfológicas.

Há também a Cueva de la Diosa Atabeira, também conhecida como Cueva del Agua.

É um conjunto de cavernas localizadas no sítio arqueológico de Guafe. Possui pequenas escadas que conduzem ao seu interior, onde o visitante pode recriar a imagem de uma das primeiras culturas autóctones da ilha.

Atividades

As opções de lazer são variadas dentro do Parque Nacional Desembarco del Granma.

Alguns deles são cursos de mergulho, percursos pedestres para percorrer o caminho dos rebeldes após o desembarque do iate Granma, contemplar a natureza, aprender história, entre outros.

Atividades terrestres

Todas as atividades planejadas incluem a cidade de Marea del Portillo, para contatar diretamente os camponeses da região, aprender sobre seus costumes e modo de vida.

Caminhadas é a atividade mais recomendada, pois é a que permite captar melhor as belezas naturais do local.

Para isso sugerimos o uso de roupas confortáveis ​​e calçado adequado, claro, sem esquecer a proteção com óculos escuros e água para hidratar.

Andar a cavalo é muito popular. O parque oferece um serviço de oito horas de cavalgadas com guia incluso e com diversos percursos e pontos de partida.

Se viaja com crianças ou se cansa, saiba que também existem outras atividades para conhecer o território sem fazer esforços físicos notáveis.

Há o Jeep Safari-Tour, excursões em Jeep 4×4 pela Comandancia de la Plata com serviço de guia.

Este passeio inclui as cidades de La Habanita, Bartolomé Masó e Caridad de Mota.

Ao finalizar chegará ao povoado turístico de Santo Domingo com um coquetel de boas-vindas.

Na Comandancia de la Plata está o Comando Geral do Exército Rebelde.

É a casa da imprensa, a cozinha, a casa dos transeuntes, a casa do advogado e a casa de Fidel Castro. O passeio termina com uma refeição crioula na cidade de Santo Domingo.

Atividades náuticas

Para os amantes das atividades náuticas, Marea del Portillo oferece opções de entretenimento invejáveis.

A excursão a Cayo Blanco sai cedo pela manhã do cais de Cayo Portillito.

A noite é passada em Cayo Blanco com todo o conforto necessário e o serviço inclui ainda bar com open bar, animação, almoço e mergulho.

Uma hora de mergulho livre que sai do cais Cayo Portillito para chegar ao recife de coral pode ser a opção ideal.

Inclui transporte de barco, monitor bilingue e todo o equipamento de mergulho incluido.

A pesca de alto mar também é realizada a partir do próprio píer. Três pontos de pesca, inclui o serviço que começa pela manhã e inclui open bar e almoço.

A excursão em mar aberto é uma opção a mais. Saída do cais Cayo Portillito e monitor bilíngue.

Durante a viagem você pode mergulhar, pescar e desfrutar das belas paisagens do Caribe.

Excursões no Parque Nacional Desembarco del Granma

A excursão Morlotte-Fustete

Considerada a melhor opção para os caminhantes. É a viagem de 6 km pelos caminhos diferentes do parque em quatro horas.

A caverna oferece uma visão de todos os tipos de recursos de relevo, como estalagmites e estalactites. Inclui uma visita ao Hoyo de Morlotte, o único acidente cárstico em Cuba que não tem água e que surpreende com suas enormes medidas.

A excursão inclui almoço e refrigerantes.

A excursão Las Yaguas

Percurso de 17 km com guia especializado e duração de seis horas em Jeep 4 x 4.

Inclui uma parada obrigatória no Alto de la Vigía para observar as vistas panorâmicas da baía de Marea del Portillo, onde existem cachoeiras com até 5 cachoeiras elevadas a 360 metros acima do nível do mar.

Também oferece a possibilidade de banhos em suas piscinas naturais.

A excursão El Guafe e Cabo Cruz

Atividade recomendada para quem busca conhecer a cultura indígena de Cuba.

São 4 km a pé pelas trilhas do parque, com guia turístico, além de almoço e bebidas refrescantes.

Inclui painéis interpretativos para explicar a história, vida e costumes aborígines.

Adicione entre as opções uma visita à vila de pescadores de Cabo Cruz, onde fica o Farol de Vargas, um dos faróis mais representativos do país.

O farol foi construído na segunda metade do século XIX e tem 32 metros de altura.

A rota El Samuel

Esta rota é para caminhantes interessados ​​em espeleologia. Tem a duração de quatro horas e uma distância de 3 km.

Durante o passeio serão observados os buracos, o dente do cachorro virgem, as grutas e a típica paisagem dos socalcos.

A gruta de El Samuel é um dos locais mais populares e visitados porque contém elementos de grande interesse arqueológico.

Nas imediações da caverna há um mirante natural com vista para o Caribe e o sistema de terraços marinhos.

A excursão de desembarque do Granma

Esta é a melhor oportunidade para conhecer a região onde está localizado o Parque Nacional.

É um passeio pelos lugares mais simbólicos do parque.

A modalidade é viajar de ônibus com guia especializado que explicará cada detalhe. Cruzam-se Niquero e Pilón e uma das paradas obrigatórias é a trilha arqueológica El Guafe.

Onde ficar se eu visitar o Parque Nacional Desembarco del Granma?

A preservação da área impede a construção de alojamentos hoteleiros, mas existe a opção do acampamento Las Coloradas a 5km de Belic.

É um conjunto de cabines duplex com todo o tipo de comodidades de praia: ar condicionado, restaurante, sala de jogos e material para desportos náuticos.

Como chegar ao Parque Nacional Granma Landing?

Você pode chegar ao parque com veículos alugados. Você deve seguir a estrada que deixa Media Luna a sudoeste.

Depois de dirigir 10 km, a estrada se divide. Pilón fica a 30 km a sudeste e Niquero a 10 km a sudoeste.

A 16 km de Niquero fica a cidade de Belic, que por sua vez fica a 6 km do Parque Nacional.

Também existe um serviço irregular de ônibus que vai para Las Coloradas, em caminhões e vans.

Outros lugares atraentes são:

– A Barreira de Coral de Cabo Cruz
– La Cueva del Fustete (um caminho aborígine cujas paredes parecem pictogramas interessantes)
– O buraco de Morlotte
– A lagoa do crocodilo
– La Boca de Río Toro, uma praia virgem que surgiu na foz do rio
– La Cueva del Bojeo, uma das maiores cavernas marinhas do país.

Artigo anteriorFortaleza de San Carlos de la Cabaña
Próximo artigoPlaza Mayor de Trinidad

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentários são processados ​​.