A Guerra dos Dez Anos

A Guerra dos Dez Anos
A Guerra dos Dez Anos

Os começos da Guerra dos Dez Anos.

Oficialmente a Guerra dos Dez Anos deu início na Ilha de Cuba a 10 de Outubro de 1868, quando se produziu o grito de independência, por parte de Carlos Manuel de Céspedes, convertido no chefe da Revolução, no seu engenho La Demajagua, que estava situado na histórica cidade de Manzanillo, ao tempo que realizava dois actos de suma transcendência: libertar os seus escravos e dar a conhecer um documento que passaria à história como Manifesto de 10 de Outubro, onde se expunham as causas da luta, a luta armada como único caminho possível e os objectivos fundamentais: a independência de Cuba e a abolição da escravidão. A passos acelerados a Revolução ampliou o seu cenário na zona oriental, demonstrando a validade do levante cespedista. As tropas mambisas, em breve, começaram a demonstrar a importância do facão como arma redentora e como o seu principal gestor destaca-se, de forma transcendental, a figura de Máximo Gómez.

Elementos destacados sobre a Guerra dos Dez Anos

A Guerra dos Dez Anos viu aparecer figuras relevantes tais como Francisco Vicente Aguilera, Pedro Figueredo, Carlos Manuel de Céspedes, Vicente García, Salvador Cisneros Betancourt e Miguel Jerónimo Gutiérrez, os quais exemplificam este grupo de latifundiários revolucionários. Um dos acontecimentos mais transcendentais desta primeira etapa da gesta independentista foi a tomada de Bayamo, que foi realizada no próprio mês de Outubro e que proporcionou uma capital à nascente revolução. Para o dia 4 de Novembro os lutadores de Camagüey pegaram as armas em Las Clavellinas e os de Las Villas fizeram-no, a 6 de Fevereiro de 1869, no cafezal San Gil, em Manicaragüa. A reunião para deixar constituída a frente única de combate contra a metrópole teve lugar em Guáimaro, a 10 de Abril de 1869. Céspedes liderou os delegados orientais, Agramonte e Cisneros Betancourt os de Camagüey e Miguel Jerónimo Gutiérrez os de Las Villas. Nessa assembleia foi aprovada a Constituição de Guáimaro que estabeleceu a eleição dum Presidente, dum General-em-chefe e duma Câmera de Representantes como poder supremo. Estabeleceu-se na Constituição um poder legisIativo (a Câmera). A primeira constituição cubana tinha um marcado carácter republicano, democrático e abolicionista, inspirada no modelo de Montesquieu. Céspedes foi eleito como Presidente da República de Cuba em Armas.

A Guerra dos Dez Anos e a sua notoriedade

Em sentido geral durante o decurso da Guerra dos Dez Anos a força militar cubana foi significativa e travou numerosas batalhas que depois de dez anos de fortes combates chegou ao seu fim com um dos acontecimentos mais transcendentais: O Pacto de Zanjón, protagonizado por Antonio Maceo e o qual deixaria marcadas as pautas dos posteriores levantes em armas, até a independência definitiva de Cuba, em 1898.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site usa o Akismet para reduzir o spam. Saiba como seus dados de comentários são processados ​​.